Publicamos atualizações frequentes em nossa documentação, e a tradução desta página ainda pode estar em andamento. Para obter as informações mais recentes, acesse a documentação em inglês. Se houver problemas com a tradução desta página, entre em contato conosco.

Solucionar problemas de domínios personalizados e do GitHub Pages

Você pode verificar os erros comuns para resolver problemas com domínios personalizados ou HTTPS no seu site do GitHub Pages.

GitHub Pages is available in public repositories with GitHub Free, and in public and private repositories with GitHub Pro, GitHub Team, GitHub Enterprise Cloud, and GitHub Enterprise Server. For more information, see "GitHub's products."

Neste artigo

Erros CNAME

Os domínios personalizados são armazenados em um arquivo CNAME na raiz da fonte de publicação que pode ser adicionado ou atualizado manualmente ou por meio das configurações do repositório. Para obter mais informações, consulte "Gerenciar um domínio personalizado para seu site do GitHub Pages".

Para que o site seja renderizado no domínio correto, verifique se o arquivo CNAME ainda existe no repositório. Por exemplo, muitos geradores de site estáticos fazem push forçado para o repositório, o que pode substituir o arquivo CNAME que foi adicionado ao repositório quando você configurou o domínio personalizado. Se você criar o site localmente e fizer push dos arquivos gerados para o GitHub, primeiro insira o commit que adicionou o arquivo CNAME ao repositório local, para que o arquivo seja incluído na criação.

Em seguida, verifique se o arquivo CNAME está formatado corretamente.

  • O nome de arquivo CNAME deve estar todo em letras maiúsculas.
  • O arquivo CNAME só pode conter um domínio. Para apontar vários domínios para o site, é preciso configurar um redirecionamento por meio do provedor DNS.
  • A entrada CNAME deve ser o domínio bare. Por exemplo, www.example.com, blog.example.com ou example.com.
  • A entrada CNAME só pode ser usada uma vez no GitHub. Por exemplo, se o arquivo CNAME de outro repositório contiver example.com, você não poderá usar example.com no arquivo CNAME para o repositório.

Configuração incorreta do DNS

Se você tiver problemas para apontar o domínio padrão do site para o domínio personalizado, entre em contato com seu provedor DNS.

Você também pode testar se os registros DNS do domínio personalizado estão configurados corretamente. Para obter mais informações, consulte "Gerenciar um domínio personalizado para seu site do GitHub Pages".

Nomes de domínios personalizados que não são compatíveis

Se o seu domínio personalizado não for compatível, talvez você precise alterá-lo para um que tenha suporte. Você também pode entrar em contato com seu provedor DNS para ver se ele oferece serviços de encaminhamento para nomes de domínio.

Verifique se o seu site não:

  • Usa mais de um domínio apex. Por exemplo, example.com e anotherexample.com.
  • Usa mais de um subdomínio www. Por exemplo, www.example.com e www.anotherexample.com.
  • Usa um domínio apex e um subdomínio personalizado. Por exemplo, example.com e docs.example.com.

Aviso: é altamente recomendável não usar registros DNS curingas, como *.example.com. O registro DNS curinga permite que qualquer pessoa hospede um site do GitHub Pages em um dos subdomínios que você tem.

Para obter uma lista de domínios personalizados compatíveis, consulte "Sobre domínios personalizados e o GitHub Pages".

Erros de HTTPS

É possível acessar por HTTPS os sites do GitHub Pages que usem domínios personalizados e estejam corretamente configurados com registros DNS CNAME, ALIAS, ANAME ou A. Para obter mais informações, consulte "Proteger seu site do GitHub Pages com HTTPS".

Depois que você configurar seu domínio personalizado, pode levar até uma hora para o seu site ser disponibilizado por HTTPS. Após a atualização das configurações DNS existentes, talvez seja necessário remover o domínio personalizado e tornar a adicioná-lo ao repositório do site para acionar o processo de habilitação do HTTPS. Para obter mais informações, consulte "Gerenciar um domínio personalizado para seu site do GitHub Pages".

Se você estiver usando registros CAA (Certification Authority Authorization, Autorização da autoridade de certificação), pelo menos um deles deverá ter o valor letsencrypt.org para que o seu site possa ser acessado por HTTPS. Para obter mais informações, consulte "Autorização da autoridade de certificação (CAA)" na documentação de Let's Encrypt.

Formatação de URL no Linux

Se a URL para o seu site incluir um nome de usuário ou de organização que começa ou termina com um traço ou contiver traços consecutivos, as pessoas que navegam com Linux receberão um erro de servidor quando tentarem visitar o site. Para corrigir isso, remova caracteres não alfanuméricos do seu nome de usuário do GitHub. Para obter mais informações, consulte "Alterar seu nome de usuário do GitHub".

Cache do navegador

Se você tiver alterado ou removido recentemente seu domínio personalizado e não conseguir acessar a nova URL no navegador, talvez precise limpar o cache do navegador para alcançar a nova URL. Para obter mais informações sobre limpeza do cache, consulte a documentação do navegador.

Pergunte a uma pessoa

Não consegue encontrar o que procura?

Entrar em contato